Demei intensifica campanha para reduzir furto de energia

Medida busca apoio da população para identificar locais com os chamados “gatos” na rede elétrica


  • 01/09/2017 15h01 - Atualizado em 01/09/2017 15h08

Demei intensifica campanha para reduzir furto de energia

O sistema elétrico é dividido em geração, transmissão e distribuição de energia elétrica. As distribuidoras recebem a energia dos agentes supridores (transmissoras, geradores ou outras distribuidoras), entregando-a aos consumidores finais. A energia medida pelas distribuidoras nas unidades consumidoras será sempre, segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) inferior a energia recebida dos agentes supridores. Essa diferença é denominada perda de energia e é, ainda de acordo com o operador nacional do sistema, segregada conforme sua origem.

É com o intuito de reduzir essas perdas, que o Departamento Municipal de Energia de Ijuí (Demei) lançou em julho - e continuará pelos próximos meses -  com  a campanha para sensibilizar a população, especialmente, no que tange às fraudes ou roubos de energia. “Furto e fraude de energia são crimes de acordo com o Artigo 155, parágrafos terceiro e quarto do Código Penal Brasileiro”, adverte o presidente do Departamento Municipal de Energia de Ijuí (Demei), Rubem Härter.

O furto é caracterizado pelo desvio direto de energia da rede elétrica das Distribuidoras. Com isso, a energia é utilizada, mas o seu consumo não é contabilizado, aumentando o índice de perda de energia. “Esse é o ponto: a energia que deixa de ser paga por aquele que efetivamente a consumiu, é repassada ao conjunto da sociedade e todos pagam”, esclarece.

Para além disso, de acordo com o presidente do Demei, o furto de energia pode colocar a vida das pessoas em risco, pois pode ocasionar choque elétrico,  muitas vezes fatais, incêndios, ou sobrecargas nos transformadores, deixando muitas vezes regiões inteiras sem energia elétrica prejudicando outros consumidores.

Com o objetivo de facilitar a denúncia, o Demei está divulgando o número do serviço 0800 para onde o cidadão pode ligar e fazer, de modo sigiloso, a denúncia dos casos de fraude ou roubo de energia. Em casos de furto ou ligações elétricas realizadas clandestinamente, popularmente conhecidas por gatos, denuncie anonimamente pelos fones: 0800-519200 e 3331-7700.



Enviar por e-mail Imprimir