Agentes Comunitários de Saúde recebem capacitação sobre doença rara

Especialista do Hospital de Clínicas de Porto Alegre veio a Ijuí para ministrar o treinamento, que teve lugar no auditório do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais


Agentes Comunitários de Saúde recebem capacitação sobre doença rara


A Secretaria Municipal da Saúde, por meio do Núcleo Municipal de Gestão da Educação em Saúde Coletiva (Numesc), oportunizou na tarde de sexta-feira,29 de novembro, uma Capacitação em Mucopolissacarideos (MPS) para Agentes Comunitários de Saúde (ACS’s). O treinamento foi ministrado pela coordenadora de Pesquisa Clínica do Serviço de Genética Médica do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, enfermeira Larissa Pozzebon.

Agentes Comunitários de Saúde recebem capacitação sobre doença rara

A Mucopolissacoridose é uma doença genética hereditária, causada por deficiência enzimática, que interfere na capacidade do organismo em quebrar e reciclar determinadas substâncias conhecida como mucopolissacarídeos ou glicosaminoglicanos (gags) no lisossomo, resultando em disfunções orgânica multissistêmica.”Esta é uma doença rara, pouco conhecida, é o objetivo é que os Agentes conheçam, que eles tenham a informação do que é a doença, quais são os sinais e sintomas”, explica Larissa.

A escolha dos agentes como público-alvo do treinamento, segundo a especialista, se deve à caracterização do trabalho desses profissionais. “Eles são as pessoas que estão mais diretamente ligados com os pacientes, com as famílias, então são as pessoas ideais para identificar esses pacientes que muitas vezes não têm um diagnóstico preciso, por ser uma doença não muito conhecida”, pontua a especialista.

Os pacientes acometidos pela doença, de acordo com Larissa, geralmente apresentam sintomas como baixa estatura, rosto característico, lábios e cabelos mais grossos, são pacientes com problemas articulares, infecções recorrentes, infecções respiratórias, otites, alguma dificuldade de locomoção e manuseio de objetos pequenos, enfim, dificuldades nas atividades diárias, entre outros sintomas. 


Veja nossos canais de contato

Fale com a prefeitura


  • Rua Benjamin Constant, 429 - Centro
  • Contato (55) 3331-8200
  • Horário de atendimento: De segunda à sexta das 8h30 às 11h30 e 13h30 às 17h.