Evento alusivo aos dez anos da Casa Ama marca 6º Congresso Internacional de Saúde da Unijuí


Evento alusivo aos dez anos da Casa Ama marca 6º Congresso Internacional de Saúde da Unijuí


O prefeito Valdir Heck, o secretário de Saúde, Josias de Abreu Pinheiro, a coordenadora do Centro de Atenção Psicossocial (Caps Colmeia II) e a presidente em exercício do Conselho Municipal de Saúde, Luciane Antes, participaram na manhã de hoje do ato de abertura do evento alusivo aos dez anos da Casa Ama de Ijuí. O evento integrou a programação oficial do 6º Congresso Internacional de Saúde da Unijuí que está acontecendo desde quinta-feira e conta com a participação do psiquiatra italiano, Renzo de Stefani, e do UFE, Maurizio Capitani, possibilitando o fortalecimento do intercâmbio já existente com profissionais e usuários da área da saúde mental daquele país.

Para a coordenadora do Caps, assistente social Daiana Quadros, a palavra de hoje não poderia ser outra senão agradecimento. “A história da saúde mental de Ijuí acompanha a implementação do Sistema Único de Saúde (SUS) no Brasil e trabalhamos com saúde mental aqui desde 1967. Lutamos pela saúde mental e, por isso, hoje a palavra hoje é agradecimento ao doutor Renzo, pela experiência italiana, e ao Maurizio, pelo lugar que ele ocupa, pois, conseguimos trazer também nossos usuários para o debate. E, isso é histórico”, afirmou, destacando a importância dessa metodologia de trabalho que é o fazer junto.

Já o secretário de Saúde, Josias de Abreu Pinheiro, destacou a importância da data que marca uma década de funcionamento efetivo da Casa Ama. “Procuramos desde que chegamos à frente da Secretaria de Saúde fortalecer as parcerias, para com isso igualmente fortalecer e qualificar cada vez mais a rede de saúde mental. Precisamos ter esse apoio da sociedade por meio das diferentes entidades, pois somente o Poder Público não alcança todas as suas metas”, pontuou.

Por fim, ao saudar os presentes, o prefeito Valdir Heck lembrou que gerar inclusão social significa cuidar da vida, cuidar das pessoas. “Aos poucos nós evoluímos e hoje temos uma evolução no tratamento em saúde mental. Foi uma caminhada penosa. Muitas vidas pereceram. Mas em Ijuí temos um trabalho bastante produtivo e eficaz de inclusão social, sim, cuidando das pessoas, com o apoio de pessoas que se envolvem de forma voluntária. Vejo que estamos avançando”, reiterou.



Enviar por e-mail Imprimir

Veja nossos canais de contato

Fale com a prefeitura


  • Rua Benjamin Constant, 429 - Centro
  • Contato (55) 3331-8200
  • Horário de atendimento: De segunda à sexta das 8h30 às 11h30 e 13h30 às 17h.