Roda de Conversa aborda violência contra a mulher no Cras-Centro

Iniciativa tem como público-alvo usuárias do serviço e integra programação do Mês do Mulher



Roda de Conversa aborda violência contra a mulher no Cras-Centro

A violência contra a mulher é um problema sério e quanto mais discutido, melhor, pois se bem informadas, as mulheres sabem onde recorrer e quais serviços devem ser buscados nessa situação. Com esse intuito, a programação do Mês da Mulher oferece uma série de atividades. Entre elas as rodas de conversa. E foi isso que aconteceu nos bairros de abrangência do Cras-Centro. Realizadas em parceria com a Coordenadoria Municipal da Mulher, as Roda de Conversa sobre Violência Contra a Mulher contam com a participação da coordenadora Noemi Huth. “O objetivo é ampliarmos a divulgação dos serviços da Rede de Proteção a Mulher, bem como as ações que visam à defesa e à garantia de direitos das mulheres”, comenta a coordenadora do Cras-Centro, assistente social Fabíola Dutra.

De acordo com Fabíola, as usuárias do Serviço de Proteção e Atendimento Integram a Família(Paif) constituem o público-alvo. “As informações com certeza vão fazer a diferença nos nossos grupos, na vida familiar e pessoal das mulheres, onde estão se apropriando de fato de seus direitos”, pontua a coordenadora do Cras-Centro.

E isso, segundo Fabíola, vem ao encontro do trabalho realizado pelo Cras-Centro, cujo conjunto de ações visa à proteção básica, à prevenção de situações de risco e ao combate das diferentes formas de preconceito e discriminação.

Páscoa – Nesses dias que antecedem à Semana Santa, o Cras-Centro está realizando, também, oficinas de artesanato nos grupos. Nessas oficinas, as participantes estão aprendendo a confeccionar porta-toalhas, com tema pascoal.


Veja nossos canais de contato

Fale com a prefeitura


  • Rua Benjamin Constant, 429 - Centro
  • Contato (55) 3331-8200
  • Horário de atendimento: De segunda à sexta das 8h30 às 11h30 e 13h30 às 17h.