.
.

Acessibilidade

Aumentar Fonte
.
Diminuir Fonte
.
Fonte Normal
.
Alto Contraste
.
Libras
.
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Mapa do Site
.
Acesso à informação
.

Segunda-feira a Sexta-feira: 8h30 às 11h30 e 13h30 às 17h

Idioma

Português

English

Español

Francese

Deutsch

Italiano

Saúde - Quinta-feira, 28 de Julho de 2022

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

28 de Julho: Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais

Conscientização contra hepatites é discutido no mundo inteiro.


28 de Julho: Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais

Hepatite é o termo utilizado para definir a ocorrência de inflamação no fígado e as causas são variadas, por exemplo, vírus, álcool, alguns medicamentos. As hepatites virais podem ser causadas pelos vírus A, B, C, D, E. No Brasil, as mais frequentes são as hepatites A, B, C. Na maioria das vezes são infecções assintomáticas, mas quando ocorrem sintomas podem manifestar-se como cansaço, febre, enjoos, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras. A hepatite viral A é uma doença aguda, com duração limitada e na maioria das vezes sem complicações, não há tratamento específico além do tratamento dos sintomas. Porém, as hepatites virais B e C frequentemente se tornam crônicas e são silenciosas na maioria das vezes, ou seja, nem sempre apresentam sintomas. Portanto, grande  parte das pessoas desconhecem quando são portadoras desses vírus, e a doença pode evoluir durante anos causando dano progressivo ao fígado que pode variar de leve a grave, dependendo do estágio em que se encontra quando é feito o diagnóstico, incluindo o risco de câncer hepático e cirrose com necessidade de transplante hepático. Para ambas, existe tratamento com medicamentos antivirais específicos. Para facilitar e ampliar os diagnósticos, o SUS disponibiliza Testes Rápidos para detecção das hepatites virais B e C. A recomendação é que as pessoas realizem o teste pelo menos uma vez na vida para esses tipos de hepatite.  Os testes rápidos são realizados com algumas gotas de sangue, coletadas na polpa digital (dedos da mão), cuja execução e interpretação dos resultados são feitos em um período de 30 minutos. Em Ijuí, na rede pública municipal de saúde os testes rápidos podem ser realizados em todas as unidades de saúde e no Serviço de Atendimento Especializado(SAE). Atualmente, no SAE - Ijuí, que é um serviço de referência municipal para acompanhamento e tratamento de pessoas portadoras de hepatite B e/ou C, estão cadastrados 198 pacientes com hepatite B e 68 pacientes com hepatite C. Neste ano, o SAE e a Vigilância Sanitária municipal estão realizando uma ação  de conscientização sobre prevenção das hepatites virais, com visita em alguns salões de beleza do município nos dias 21/7 e 28/7, com distribuição do folder MEU SALÃO LIVRE DAS HEPATITES VIRAIS.

Jacqueline R. de Souza (médica do SAE)

Elisandra Dalla Rosa (enfermeira coordenadora do SAE)

359 Visualizações

Notícias relacionadas

Voltar para a listagem de notícias

.
.

Calendário de eventos

.
.

Acompanhe-nos

.

Unidades Fiscais

.
UF - 2021

R$ 130,96

.
UF - 2022

R$ 146,40

.
UF - 2023

R$ 155,92

.
UF - 2024

R$ 162,46

.
.

Município de Ijuí - RS.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.